INDÔMITA

Ficção

Adriano Martins

Capa_Indomita_1_Prancheta 1_Prancheta 1.

Sinopse

Você abandonaria todos os seus planos de vida pessoal e carreira profissional, para dedicar-se, exclusivamente, a viver em busca de uma única conquista?

Para muitos, algo trivial, mas para Donatella ou Andréia como prefere ser chamada, o real sentido de sua existência.

 

A trama começa em uma pequena cidade do interior de São Paulo, onde vive a família Santoro. Composta pela indômita e inusitada Andréia, o doutor Alexandre, seu pai, e pela empresária Carmela, sua tia. Alexandre é um homem solitário, que não consegue aceitar a ausência de Henriqueta, sua esposa. Carmela é uma mulher possessiva e dominadora: subestima constantemente o seu irmão, esconde segredos do seu passado, faz de tudo para manter a sobrinha segregada de todos e tenta inúmeras vezes frustrar os seus planos. Andréia, por sua vez, não se deixa intimidar-se por ninguém: desiste da faculdade e abandona Bernardo Motta, o seu noivo, com quem está prestes a se casar para conhecer o renomado, estilista italiano, Arthur Lorenzo, acreditando que, somente ele lhe ajudará a alcançar a sua grande conquista. Sendo esta: desmistificar os segredos de sua família, posteriormente compreender por que Alexandre Santoro lhe trata com tanta aversão e qual motivo que levou Henriqueta, sua mãe, a supostamente cometer o suicídio.

Cauteloso e bastante desconfiado, o estilista tenta evitar a sobrinha de Carmela, porém as circunstâncias obrigam-lhe a agir de forma contrária. Indômita ainda apresenta a erotomaníaca Lizeta, Kassandra Torquato, Vinícius Nogueira, entre outros personagens, que durante o desenrolar da história acabam tendo os seus destinos cruzados.

ISBN: 978-65-88220-05-4

N° PÁG: 155